FLiD 2018 já tem programa final. Conheça-o aqui.

O FLiD, organizado pelo Espaço Miguel Torga, e que se assume como o maior e mais importante festival literário da região, conta com a presença confirmada de 28 escritores e assume, mais uma vez, um caráter internacional. Carlos Nejar (Brasil), Luís Carlos Patraquim (Moçambique), Tony Tcheca (Guiné) e Juan Vicente Piqueras (Espanha) juntam-se a Afonso Cruz, Alfredo Cameirão, Alice Brito, Álvaro Laborinho Lúcio, António Ferreira, Carlos Ademar, Cristina Carvalho, Cristina Almeida Serôdio, Fernando Pinto do Amaral, Filipa Leal, João Morales, João Rios, Luís Caetano, Manuel Sobrinho Simões, Miguel Real, Nuno Júdice, Fernando António Almeida, Isaque Ferreira, João Tordo, Cláudia Clemente, Dina Fernanda Ferreira de Sousa, Manuel Alberto Valente, João Paulo Sousa e Teolinda Gersão para três dias repletos de literatura.
A apresentação oficial do evento aconteceu no passado dia 2 de março, na Bolsa de Turismo de Lisboa, por Francisco Guedes, programador do evento, e pelo diretor do Espaço Miguel Torga, João Luís Sequeira. No evento foram apresentadas as novidades para o programa deste ano, que contempla um reforço do envolvimento e da participação do público escolar da região.
A sessão de abertura está marcada para o dia 3 e será conduzida pelo professor Manuel Sobrinho Simões. Para o dia quatro está programada uma ação voltada para o público escolar no auditório municipal de Sabrosa. O evento encerrará com um concerto do grupo Galandum Galundaina.
O Festival Literário Douro é organizado pelo Espaço Miguel Torga/Município de Sabrosa e terá entrada livre.

Veja aqui o programa completo do FLiD 2018:
 
Dia 3/5/2018 — Quinta-feira
 
17,30h  — Espaço Miguel Torga
 
Abertura da exposição Máçcaras Stramuntanas: Lluçi i Palo de: Carlos Ferreira e Manuol Bandarra
 
 
 18,00h  Conferência de Abertura:
                 Saúde e Doença: o Paradoxo Português
                por Manuel Sobrinho Simões
 
 
21,30 h  — 1ª Mesa: Quantas Línguas é o Português?
                       Alfredo Cameirão
                       Fernando António Almeida
                       Luís Carlos Patraquim (Moçambique)
                       Tony Tcheka (Guiné)
                       Mod: João Morales
 
 
 
Dia 4/5/2018 — Sexta-feira
                             Auditório Municipal de Sabrosa
 
10,00h  —  Aprender a ler é o mais importante que me             aconteceu na vida (Mario Vargas Llosa)
 
 I parte: Isaque Ferreira e João Rios
 
10,30h
 II parte: Afonso Cruz, João Morales  e João Tordo
 
 
14,30h  Nos Trilhos de Torga (curta viagem a um dos trilhos calcorreados por Miguel Torga)
 
 
18,30h  — Espaço Miguel Torga
 
                      2ª Mesa: Ler é o único acto soberano que nos resta (Antonio Muñoz Molina)
                      Carlos Ademar
                      Claudia Clemente
                      João Tordo
                      Juan Vicente Piqueras (Espanha)
                      Mod: António Ferreira
 
 
 
21,00h  — Espaço Miguel Torga
                     Lançamento de livros:
 A Preto e Branco — Claudia Clemente
Sabores da Mesa na Obra de Miguel Torga — Dina Fernanda Ferreira de Sousa
 
 
 
21,30h  — 3ª Mesa: A Literatura é mentir bem a verdade (Juan Carlos Onetti)
                     Afonso Cruz
                     Álvaro Laborinho Lúcio
                     Alice Brito
                     Teolinda Gersão
                     Mod: António Ferreira
       

           
Dia 5/5/2018 — Sábado
 
10,30h  — Espaço Miguel Torga
                     Conferência: Miguel Real fala sobre a obra de Natália Nunes e Domingos Monteiro
 
 
14,30h  — 4ª Mesa: Um lugar sem livros é como um corpo sem alma (Cícero)
                     Cristina Almeida Serôdio
                     Cristina Carvalho
                     Fernando Pinto do Amaral
                     João Paulo Sousa
                     Mod: Miguel Real
 
 
 
16,30h  — 5ª Mesa: A Poesia é algo tão íntimo que não pode ser definida (Jorge Luis Borges)
                     Carlos Nejar (Brasil)
                     Filipa Leal
                     João Rios
                     Manuel Alberto Valente
                     Nuno Júdice
                     Mod: Luís Caetano
 
 
Encerramento por  Galandum Galundaina